Mariana Anselmo

Share

Desde que a TUL se tornou um marketplace, uma das dúvidas mais comuns que a gente recebe é: quais as vantagens de vender em um marketplace? Se essa também é uma dúvida sua, continua com a gente que vamos te explicar tim tim por tim tim! 

Nós já explicamos o que é um marketplace e quais os benefícios de comprar através deste modelo de negócios. A realidade é que a tecnologia transformou a maneira como os produtos são comercializados, e entrar no universo dos marketplaces pode ser a estratégia ideal para lojistas de materiais de construção que desejam conquistar a atenção dos clientes. 

Por que escolher vender em um marketplace?

Os marketplaces são plataformas online que reúnem seus produtos em um ambiente virtual seguro, facilitando as vendas. Embora tenha surgido no Brasil apenas em 2012, esse modelo de negócio é bastante popular entre pequenos comércios que buscam uma presença online eficaz. 

Funcionando como um shopping virtual, o marketplace oferece a oportunidade de várias lojas diferentes venderem seus produtos no mesmo local. Isso acaba proporcionando uma vitrine única para diversos comerciantes. 

Este modelo de negócios se destaca no mercado por não exigir um investimento inicial do lojista. Afinal, ele paga apenas uma comissão sobre as vendas realizadas. E se antes eles eram populares entre os clientes finais, cada vez mais vemos marketplaces voltados para o público B2B. 

Este é o caso da TUL, que veio para fazer a ponte entre a indústria, grandes distribuidores de materiais de construção e atacadistas aos pequenos lojistas do setor. Facilitando e barateando o processo de abastecer o estoque destes negócios. 

As vantagens de vender em um marketplace

Como dito acima, os marketplaces são aliados valiosos para empreendedores iniciantes no mundo digital. Além de simplificar a exposição e entrega dos produtos, vender em marketplaces oferece várias vantagens. Confira a seguir:

Aumento das vendas

Ao vender em um marketplace, é possível atingir rapidamente um grande número de consumidores, aumentando as vendas sem grandes investimentos. Quanto mais exposição, maiores as chances de vender.

Menos investimento em marketing

A redução dos gastos com publicidade e marketing é uma das maiores vantagens do marketplace. A plataforma proporciona espaço para marcas apresentarem e divulgarem produtos e serviços sem custos adicionais.

Maior retenção

Com ofertas variadas, os marketplaces incentivam os clientes a passarem mais tempo na plataforma e a retornarem frequentemente pela diversidade de produtos e familiaridade.

Facilidade para começar a vender

Para empreendedores iniciantes no ambiente digital, o marketplace oferece uma solução rápida e fácil para entrar no mercado e ser reconhecido, sem a necessidade de uma estrutura de e-commerce.

Maior alcance

Vender em marketplaces amplia a visibilidade da sua marca, colocando seus produtos diante de um grande número de pessoas que frequentam essas plataformas.

Menos preocupação com integrações 

Optando por vender em marketplaces, você conta com a estrutura oferecida pela plataforma, sem se preocupar com funcionalidades, códigos, segurança e integração com meios de pagamento.

O que é preciso para começar a vender em marketplaces?

Agora que você compreende melhor o que são os marketplaces e suas vantagens, vamos à segunda maior dúvida que recebemos: como começar a vender em um marketplace?

Contrariando a ideia de que vender em marketplaces é complicado, na verdade, é bastante simples. Você não precisa ter uma loja virtual para começar, apenas um CNPJ ativo e regularizado. Abaixo estão os passos essenciais e o que fazer em cada um deles.

  • Escolha a sua plataforma: Considere se a plataforma escolhida atende ao seu público-alvo, avaliando funcionalidades, suporte e vantagens. A escolha certa é fundamental para impulsionar suas vendas. Alguns marketplaces são generalistas e outros, super nichados, como é o caso da TUL. 
  • Organize os documentos e leia as regras: Cada marketplace tem suas próprias regras; portanto, é crucial atentar se a elas antes de começar. Reúna seus documentos e faça o cadastro na plataforma.
  • Cadastre os produtos: Este é o momento de cadastrar os produtos que você vai vender. Insira imagens, descrições completas com tamanho, peso, medidas, vantagens, política de frete e, claro, o valor. Um título chamativo também é fundamental para atrair a atenção dos clientes.
  • Inicie suas vendas: Com os marketplaces, você não precisa gastar com marketing. A plataforma cuida de atrair clientes, então, basta acompanhar e ficar de olho para não perder nenhuma venda.
  • Faça uma boa gestão logística: Para garantir a satisfação dos clientes, é essencial gerenciar estoque e logística. Mantenha-se atento aos pedidos para entregá-los dentro do prazo prometido.

Percebeu todas as vantagens de vender em um marketplace? Seguindo esses passos, você não terá problemas para impulsionar os resultados do seu negócio! Isso se torna ainda mais evidente quando incorporamos a tecnologia e suas possibilidades ao dia a dia. E aí, pronto pra alavancar o seu negócio? Vem pra TUL!